Visualizações

terça-feira, 20 de outubro de 2009

Sabia que a bandeira da Cruz Vermelha Internacional é derivada da bandeira nacional Suíça?

A bandeira branca, essa é mesmo Schweiz.
A bandeira Suíça tem um quadrado vermelho com uma cruz de fundo branco: Significa que, foi retirada a cruz vermelha do espaço branco। Veja e observe muito bem! A bandeira da cruz Suíça deu assim lugar à bandeira da Cruz Vermelha। Não é sugestão, é afirmação, foi da bandeira Suíça que saiu a ideia da Cruz Vermelha Internacional.
“O símbolo da cruz branca sobre fundo vermelho aparece pela primeira vez na história suíça como emblema do cantão de Schwytz, um dos cantões fundadores da Confederação Suíça, em 1291. A bandeira deste cantão ainda hoje tem a cruz branca no ângulo superior direito do seu fundo vermelho. O símbolo do crucifixo simbolizava a liberdade concedida pelo império aos habitantes daquele Cantão.” A Cruz VERMELHA VEM através das grandes nessecidades de secorro feitas por Comerciantes e particulares suíços que socorreram milhares de vítimas de guerra na Itália. vindo a ser herois da nacão e do mundo como socorristas, seguido de fazerem história mundial através de uma bandeira internacional respeitada por tudo e todos no mundo. “O conflito foi travado no norte da Itália entre o exército imperial austríaco e as forças aliadas da França e da Sardenha, da qual resultaram quarenta mil vítimas mortais.” Hoje em dia a Cruz Vermelha actua em todas as frentes desde 1291, nas grandes tragédias! Na Primeira Grande Guerra Mundial. Na Segunda Grande Guerra Mundial. No terramoto de Lisboa. No sismo que sacudiu o sul do Chile. Nas causas naturais em todo o Mundo, como tempestades, tufões, tsunamis, ciclones e furacões. Nos fenómenos naturais das cheias de água. Nas catástrofes dos incêndios florestais. Nos acidentes de viação, aéreos e marítimos. Nos serviços prestados, água, pão, roupas e acolhimento. Apoio aos refugiados das guerras e apoios à paz. Apoio às vítimas da seca e todas as catástrofes naturais e da fome. Apoio ao desapropriamento de casas. Assim e muito mais, a Cruz Vermelha está sempre interventiva. Melhor dizendo: Cem por cento das pessoas envolvidas por esta causa, só uma pequena percentagem exercem-na como profissão, os restantes são mesmo voluntário da mesma forma que, os Bombeiros e Escuteiros. Fazem-no por uma causa nobre, a vontade de ajudar quem precisa, sem ter nada em troca. Ser voluntariado da Cruz Vermelha é ter um grande coração, ter corpo e alma para sofrer e ver sofrer, vendo os outros que não lhe são nada e, passam a ser pela circunstância da vida. Enfim, a Cruz Vermelha não é um simples pano vermelho com fundo branco ou (símbolo do crucifixo). A bandeira do movimento internacional da Cruz Vermelha, é uma transposição da bandeira Suíça. A bandeira branca, essa é mesmo Schweiz. “A Cruz Vermelha, que nasceu mesclada com o próprio direito humanitário, é uma organização de ajuda humanitária internacional que intervém no mundo inteiro, tanto em época de guerra como em tempos de paz.” Aconselho a visitar este Link da Cruz Vermelha internacional que nasceu na Suíça: http://www.youtube.com/watch?v=ja8K4XRfmpk Nota: Todos os temas do autor relacionados com a Suíça em; http://sportingclubedebragadezurique.blogspot.com/ João Carlos Veloso Gonçalves “Quelhas”

Sem comentários:

Aqui notícias relacionadas com os livros do autor Quelhas...

(Mensagens antigas)

POR FAVOR, PARA VER TODOS OS TEXTOS, CLIC NO FIM DE CADA PÁG. (Mensagens antigas)