Visualizações

segunda-feira, 8 de agosto de 2011

Poetisa Marcia Roboredo; Jantar Literário no Hotel Maria da Fonte na Póvoa de Lanhoso


Jantar Literário no Hotel Maria da Fonte


Caros Leitores
Esta última semana,foi sem dúvida uma autêntica correria, por isso não consegui publicar no blog a minha ida a Braga,mais precisamente Póvoa do Lanhoso , porém vou contar-vos como correu.
Este convite surgiu,quando nada fazia prever tal coisa,mas felizmente algumas pessoas puxam pelos “novos talentos”, sendo assim tenho que agradecer esta oportunidade ao Quelhas (João Veloso) .
O Jantar Literário foi no Hotel Maria da Fonte (fica em calvos,a poucos quilómetros da Póvoa do Lanhoso), este começara por volta das 20h, mas antes fui entrevistada e a reportagem correu bem.
Entretanto a refeição foi composta por especiarias daquela religião de Portugal (uma mais valia, porque assim conhece-se a gastronomia do nosso querido País). Na mesa onde fiquei tive o privilégio conhecer o Sociólogo, a Professora de Tecnológia (TIC) Maria, o Filipe (empresário) ,Fotógrafo (Pedro) , entre outros.

Após o Jantar, tive a honra de poder falar sobre a minha Poesia,principalmente divulgar a minha primeira Obra:”Eclodir” e ouvi atentamente os conselhos e histórias de todos os Artistas presentes, simplesmente aprendi bastante nessa noite única!
Além disso tenho de agradecer ao Quelhas pelo convite, assim como tenho também que mencionar o apoio e carinho dos meus Pais (estes acompanham-me sempre para todo o lado,atrás deste meu Sonho), dos amigos que mandaram mensagens cheias de afecto e por sua vez todas aquelas pessoas que tive o prazer de conhecer no Jantar.
O Evento surgiu com o intuito de divulgar a Arte (não apenas a escrita),mas sim um pouco de tudo, por isso foi repleto de experiências, tais como: Escultores,Pintores,Cantores,Escritores,Pilotos e por aí fora.
Logo foi um dia maravilhoso e quem sabe se um dia não voltará acontecer … espero bem que sim.
Para finalizar apenas quero salientar: que nunca devemos cruzar os braços,por muito que seja difícil, temos sempre que lutar, para no futuro conseguirmos ter mais oportunidades, porque com esforço, dedicação e amor à nossa arte, tudo é possível e aí alcança-se o que tanto ambicionamos.
Deste modo “nós somos do tamanho dos nossos Sonhos” e “tudo vale apena quando a alma não é pequena!” (Fernando Pessoa)
Os melhores cumprimentos
Poetisa Márcia Sofia Roboredo

Sem comentários:

Aqui notícias relacionadas com os livros do autor Quelhas...

(Mensagens antigas)

POR FAVOR, PARA VER TODOS OS TEXTOS, CLIC NO FIM DE CADA PÁG. (Mensagens antigas)