Visualizações

segunda-feira, 19 de março de 2012

Um Dia Legal

Ontem foi um dia que fui visitar a exposição de Tarssila do Amaral no Centro Cultural Banco do Brasil, no Rio de Janeiro - CCBB - e foi muito legal... Os quadros realmente colocam as mentes observadoras para pensar.

Enquanto eu via os quadros de Tarssila do Amaral, os da fase em que ela "pirou no modernismo de 1922" (no Brasil), o "Abapouru" por exemplo, assim como outros, fiquei pensando quando o Monteiro Lobato, crítico do movimento, viu pela primeira vez àquelas pinturas; com formas, cores e características inusitadas, quase infantis, com formas arredondadas no lugar das folhas das árvores, por exemplo... Deve ter pensado: essa mulher é louca ou esqueceu de crescer para fazer um monte de bolinhas coloridas no lugar das folhas das árvores...

Tarssila não era louca, nem muito menos criança e sim revolucionária - genial! -, e soube apreender o espírito da inovação que estava se estrapolando no silêncio dos Acadêmicos brasileiros e ajudou, colaborou e incutiu o Modernismo na alma dos brasileiros, juntamente com Oswald de Andrade, Carlos Drummond de Andrade, Mário de Andrade e outros...

A Mostra em si tem uma composição dos desenhos e pinturas que Tarssila fez sobre o Rio de Janeiro e também de São Paulo. Fiquei sabendo que em um quadro que ela fez de Madureita, e que tem uma torre no meio - e que todos pensam que é a Torre Eifel, de Paris - na verdade é, ou era, um poste de iluminação que existia no bairro antigamente. Minha mãe disse se lembrar deste poste de madeira, eu acho, de quando ela era criança.

A exposição realmente é uma experiência ímpar para quem gosta! Ver todos os vultos modernistas no presente acaba colocando a cabeça para funcionar... Assim se sente, transcende e cria alguma coisa nova no peito.

Quando cheguei vi o poeta brasileiro Ferreira Gullar saindo da exposição. Corri atrás dele depois de uns instantes de reflexão, mas não o achei. Depois de ver todos os quadros da modernista fui no bar de cima da livraria e ele estava lá. Comprimentei-o, disse que era fã dele, apertei sua mão, comentei alguma coisa das Sopinhas de Versos, que ele disse que já conhecia: disse que já tinha feito as Sopinhas com os versos dele, e fui lanchar.

_ Foi um dia legal!!!

Dennys Andrade http://www.sopinhadeversos.blogspot.com/

Sem comentários:

Aqui notícias relacionadas com os livros do autor Quelhas...

(Mensagens antigas)

POR FAVOR, PARA VER TODOS OS TEXTOS, CLIC NO FIM DE CADA PÁG. (Mensagens antigas)